Projeto Crono

Diferente do Brasil, onde nota-se uma clara indiferença nos trabalhos de artistas de rua, Portugal está desenvolvendo o “Crono”, um projeto de arte urbana, voltado aos edifícios e instalações abandonadas.

Vários artistas, como Osgemeos, Blu, Erica il Cane, Sam3, entre outros foram convidados para o projeto que teve início em meados de 2010 com o forte uso das cores e personagens surreais.


“Pessoas que nunca tinham reparado nesses edifícios de repente olharam para eles. Conseguimos dar visibilidade a áreas que estão claramente deprimidas”, explica Alexandre Farto, um dos membros da organização também conhecido como Vhils e que conta com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.



Hoje, em Lisboa, não é mais necessário ir a um museu para apreciar uma obra, ficar de boca-aberta e entortar o pescoço: Até agora, o caminho entre a Avenida Liberdade até a Fonte Pereira de Melo é equivalente a um ótimo programa cultural


Como já disse Banksy, “grafitar é o jeito mais honesto que você pode ter de ser um artista. Não precisa de dinheiro para fazê-lo, você não precisa de uma educação para entendê-lo, não há preço de entrada e pontos de ônibus são, de longe, lugares mais interessantes e úteis para se ter pinturas do que museus”.

Nos resta saber quando teremos projetos urbanos de grandes intervenções artísticas ao invés de continuarmos mascarando grandes galpões, edifícios nunca terminados e muros gigantes com a cor cinza.


imagens: zupi.com.br
fonte: lisboasos.blogspot.com

Uma resposta para “Projeto Crono

  1. O pior que não ficam simplesmente cinza… pichações, propagandas de políticos, cartazes "esotéricos"… Invés de arte, simplesmente fecham os olhos…Ótimo post, Gá!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s