Estádios e negócios imobiliarios: já perdi a conta de em que capítulo está essa novela…

por Raquel Rolnik
Na esteira dos malabarismos dos esquemas engenhosos que estão se armando em torno dos estádios da Copa de 2014, mais uma iniciativa acaba de ser lançada.
Ontem a imprensa anunciou que construtoras pretendem derrubar o estádio do Morumbi para construir um megaempreendimento no local. Em troca, elas fariam um novo estádio para o São Paulo Futebol Clube junto à estação de metrô Vila Sônia da linha amarela.
Os empreendedores já estão tentando articular com o prefeito Gilberto Kassab e com o vice-governador Domingos Afif, que já anunciaram apoio à proposta. Com esses apoios, cria-se um caldo favorável inclusive para pressionar o clube a aceitá-la.
Isso revela a verdadeira face do que são os megaeventos. A Copa de 2014 em si é o que menos conta nessa história toda. A questão fundamental é como os grandes negócios imobiliários se aproveitam dessa onda em torno do megaevento para poder encaçapar a bola…
As construtoras querem inserir esse malabarismo dentro da operação urbana Vila Sônia, que está em discussão há mais de 10 anos e que tinha como intenção estruturar o desenvolvimento urbano da região, preparando-a para os impactos do metrô. Mas cada vez mais ela também vai se transformando em apenas e tão somente abertura de frentes de expansão imobiliária.
A idéia de construir espaços publicos generosos, de qualificar o espaço urbano, expressas no plano diretor vão ficando para as cucuias… o que importa mesmo é quantos metros quadrados de área construída podem ser lançados no tempo mais curto possível.
Enquanto isso, nós continuamos a viver numa cidade entupida, desqualificada e insustentável. E parece que isso nao é problema nem do poder público nem do setor imobiliário.
E qual é a sua opnião sobre o assunto?

2 Respostas para “Estádios e negócios imobiliarios: já perdi a conta de em que capítulo está essa novela…

  1. Realmente lamentável!Primeiro porque, apesar de diversos problemas que existam, o edificio do estádio do Morumbi é um simbolo da arquitetura modernista paulista do Artigas e, eu achava, que fazia parte do conjunto do patrimonio historico da cidade! Senão da cidade, pelo menos do bairro do Morumbi, junto com a Casa da Lina Bo Bardi, a Casa e Capela da Fazenda e a Fundacao Maria Luiza e Oscar Americano!Outra coisa é a falta de limites para a construção da cidade! As operações urbanas estão sendo utilizadas de acordo com os interesses do mercado imobiliario e não como forma de requalificação e melhora da qualidade de vida dos moradores da sua área de atuação…Uma vergonha!

  2. Tudo hoje em dia gira em volta de “grandes empreendimentos” e muitas vezes as pessoas os empresarios de preferencia acabam esquecendo o grande significado da preservação cultural de um cidade, é mais facil reformar o estadio do Morumbi e assim criar o mega empreendimento no local onde seria construido o novo estádio? talvez tudo seria mais facil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s